Perguntas Mais Frequentes

1) Onde são negociadas as ações da CCX?

As ações da CCX Carvão da Colômbia S.A. (CCX) estão registradas para negociação na B3 sob o código "CCXC3", admitidas à negociação no Novo Mercado, nível mais elevado de práticas diferenciadas de governança corporativa.

O capital social da CCX é composto por uma única classe de ações ordinárias.

2) Quais são os direitos das ações ordinárias da CCX?

Cada ação ordinária confere ao respectivo titular direito a um voto nas Assembleias Gerais Ordinárias e Extraordinárias.

É conferido aos titulares das ações da Companhia o direito ao recebimento de dividendos ou outras distribuições realizadas relativamente às ações ordinárias na proporção de suas participações no capital social total da Companhia.

No caso de liquidação da Companhia, seus acionistas receberão os pagamentos relativos ao remanescente do seu capital social, na proporção da sua participação no capital social da Companhia.

Os acionistas têm direito de preferência na subscrição de novas ações emitidas pela Companhia, conforme conferido pela Lei das Sociedades por Ações, mas não estão obrigados a subscrever futuros aumentos de capital da Companhia caso não o desejem.

De acordo com o Novo Mercado, as ações ordinárias da CCX possuem "tag-along", que possibilitam aos seus acionistas, na ocasião da venda do controle da Companhia, receber por suas ações 100% do valor pago pelas ações do acionista controlador alienante.

3) Como e onde a CCX divulga suas informações?

Todos os fatos relevantes, anúncios de resultado e demais comunicados ao mercado são divulgados pela CCX, de maneira simultânea, na B3 e na seção de relações com investidores do website da Companhia (ri.ccx.com.br).

As demonstrações financeiras completas são publicadas anualmente nos jornais Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro e Monitor Mercantil. Outras informações sobre a Companhia também podem ser obtidas nos sites da B3 (www.bmfbovespa.com.br) e da Comissão de Valores Mobiliários (www.cvm.gov.br).

4) Como investir em ações?

Para investir em ações da CCX ou de qualquer empresa listada em bolsas de valores é necessário entrar em contato com uma corretora de valores. A relação das corretoras de valores que operam no Brasil está disponível no website da B3 (www.bmfbovespa.com.br).

Uma corretora de valores é quem efetivamente atua no mercado de capitais, sendo a intermediária entre os investidores nas transações realizadas em bolsas de valores. A corretora tem de ser credenciada pelo Banco Central do Brasil, pela CVM e pelas próprias bolsas de valores. Também chamadas de "sociedades corretoras", elas compram e vendem ações, distribuem títulos de valores mobiliários, administram carteiras e fundos de investimento, fazem lançamento de ações ao público e intermedeiam operações de câmbio. Estas instituições financeiras operam fisicamente nas bolsas de valores, negociando valores mobiliários com exclusividade no pregão físico (viva-voz) ou eletrônico (homebroker) da B3. Corretoras de valores são necessárias para dar segurança ao sistema e liquidez aos títulos transacionados.

A maioria dos grandes bancos comerciais possui corretora de valores autorizada a operar no mercado financeiro. No entanto, por determinação regulamentar, a corretora de valores é uma entidade juridicamente separada do banco. Quando se "negocia ações através de um banco", se está, na verdade, negociando por meio da corretora de valores do banco. As regras que se aplicam a estas corretoras de valores são as mesmas que se aplicam às demais corretoras de valores.

5) Como o acionista da CCX pode verificar sua posição acionária? Quem o acionista da CCX deve procurar em caso de alteração de seu endereço?

O Itaú Corretora de Valores S.A., custodiante das ações da CCX, remete ao endereço do acionista o extrato de sua posição acionária quando há movimentação de ações, quando há pagamento de dividendos / juros sobre o capital próprio e para fins de declaração de imposto de renda. Por isso, é fundamental que o acionista esteja com seu endereço atualizado nos cadastros do custodiante. O acionista pode inclusive, a qualquer momento, comparecer a qualquer agência do Banco Itaú e solicitar um extrato de sua posição acionária na CCX.

A alteração de dados cadastrais pode ser efetuada em qualquer agência do Banco Itaú S.A. Para efetuá-la, o acionista deve apresentar cópias autenticadas de seus RG, CPF e comprovante de residência.

Os acionistas cuja custódia é realizada pela Companhia Brasileira de Liquidação e Custódia - CBLC devem consultar sua posição nesta instituição junto à corretora de valores através da qual os investimentos foram realizados. Toda vez que houver necessidade de alteração de dados cadastrais, os acionistas cuja custódia é realizada pela CBLC também devem entrar em contato com a sua corretora de valores.

6) O que é um agente custodiante?

O agente custodiante é a instituição no Brasil que registra as ações em nome de quem as compra e garante a propriedade das mesmas. O agente custodiante da CCX é o Itaú Corretora de Valores S.A.

7) Como posso contatar a Área de Relações com Investidores?

CCX Carvão da Colômbia S.A.
Praia do Flamengo, nº 66, sala 1809
Flamengo - Rio de Janeiro - Brasil
CEP: 22210-906
Tel.: +55 21 2163 6481
ri.ccx@ccx.com.br

Miguel Cesar de Araujo Pereira Burlamaqui
Diretor Presidente e Diretor de Relações com Investidores